"Don't talk to me about JavaScript fatigue" - Horse JS

Marketing Digital em: LIVES

No período de quarentena as lives tomaram conta (literalmente) das redes sociais. Live sertaneja, live gospel, live pop… graças a elas, o físico deu lugar ao online. Não somente cantores, mas diversas empresas utilizaram dessa ferramenta para realizar suas atividades sem correr riscos. Além disso, também tiveram a oportunidade de ter uma relação mais humanizada e próxima do seu público, o que é uma característica do marketing digital, grande chefe do mercado no século XXI.

Mas afinal, o que é uma LIVE?

Live (ao vivo em inglês) são transmissões de áudio e vídeo feita pela internet, geralmente feitas nas redes sociais. Seu intuito principal é mostrar tal acontecimento (como shows, no caso dos cantores) em tempo real para os seguidores, permitindo interações entre quem realiza e quem assiste.

Você mesmo pode realizar uma através do seu Instagram, Facebook ou YouTube. Entretanto, quando se trata do âmbito profissional, realizar uma live não é uma tarefa tão fácil assim. Para que tudo ocorra bem, é necessário um planejamento para que tudo saia conforme o previsto. Afinal, a transmissão estará ocorrendo para diversas pessoas e qualquer erro pode ser eternizado no mundinho da internet. É preciso ter cuidado para não virar meme, né?

Quais as vantagens de realizar uma live?

Além de entreter quem assiste, as lives também trazem outras vantagens para uma empresa, entre elas está a audiência. Com um planejamento estratégico, feito de preferência por uma agência, a transmissão pode trazer muitos frutos, como novos clientes. Sorteios, brincadeiras e outras atividades que prendam a atenção do público, pode fazer com que eles queiram consumir mais conteúdo de quem está transmitindo. Por isso a importância da organização na sua organização. Se quiser obter resultados para a sua companhia, nada de só posicionar o celular e ir falando o que vem na telha, hein?

 

Antecipação é tudo!

Além do planejamento, outro ponto importantíssimo é a antecipação. As pessoas precisam saber que sua live vai acontecer. Para isso, use todas as suas forças para atingir o máximo de público possível! Não somente o seu, mas todos, para que futuramente, eles sejam seus.

Entre as dicas para chamar essas pessoas estão:

Em uma linguagem mais técnica, pode-se dizer que a realização de lives é categorizada por Inbound Marketing.

Inbound Marketing

“Marketing de entrada” em tradução literal pro português, o Inbound Marketing é uma abordagem diferente da tradicional (outbounding) de fazer marketing. Nessa estratégia, o cliente vai até o seu negócio por conta própria, sem interrupções de anúncios, por exemplo. Já imaginou essa receptividade de forma espontânea? Pois é! Uma live é uma ótima ferramenta do marketing digital para que isso aconteça.

Junto a esta tática, está atrelado o Marketing de Conteúdo, presente no planejamento que já mencionamos ali em cima. O próprio nome já diz tudo. Para que seu conteúdo seja consumido, ele precisa ser de qualidade, concorda? E tem mais: essa técnica é muuuito mais em conta do que as tradicionais.

 

Ao vivo e em cores!

Imagina só investir por um preço em conta e conseguir resultados maiores do que você vinha ganhando? Invista no marketing digital e veja a diferença!

Caso esteja com dificuldades e não sabe por onde começar uma live ou outros tipos de eventos, fala com a gente! Somos especializados em marketing, tanto tradicional, quanto digital. Temos um jeito crazy de trabalhar e garantimos que você vai gostar.

Manda um oi pra gente no (92) 9 9602-3091 (Temos WhatsApp). Te aguardamos!

COMPARTILHE: