Instagram: Nova ferramenta quer combater o bullying

Raiza Lucena

A última novidade do Instagram tem uma vibe totalmente do bem! O aplicativo anunciou recentemente sua mais nova ferramenta: detecção de ações de bullying em fotos e legendas.

 

O Instagram já tinha a opção de receber denúncias manualmente para ações de bullying. O fato é que mesmo podendo denunciar as pessoas não se davam ao trabalho de fazê-la.

 

A novidade é que o Instagram está usando Inteligência Artificial que identifica imagens e legendas ofensivas e encaminha à equipe responsável para análise do conteúdo hostil.

 

 

A ideia é que o aplicativo seja eficiente na identificação do bullying para proteger os usuários mais jovens. Principalmente os adolescentes, por possuírem as maiores taxas em vivenciar o cyberbullying que outras faixas de idade. A nova tecnologia já está funcionando e será implementada para todos os usuários nas próximas semanas.

 

Lives também terão comentários ofensivos barrados. Há alguns meses o Instagram implementou o filtro de comentários para detectar proativamente atividades de bullying e escondê-las do Feed, Explorar e Perfil.

 

Agora esse filtro fará parte dos comentários em vídeos ao vivo e já está globalmente disponível. Na imagem abaixo vemos como é possível ativar e desativar a ferramenta:

 

 

Foto: Divulgação/Instagram

 

Identificando o cyberbullying

 

O cyberbullying, ou bullying virtual, caracteriza-se pela violência contra alguém na internet ou através de outras tecnologias relacionadas.

 

Práticas que podem ser consideradas cyberbullying incluem intimidação e hostilização de pessoas, difamando, insultando ou atacando. Ameaças por e-mail, mensagens negativas, fotos e textos constrangedores, também são ações de bullying virtual.

 

 

É importante observar que a prática de bullying faz com que o indivíduo se sinta constantemente humilhando e inseguro em qualquer lugar que esteja.

 

O bullying leva a dificuldades no sono, transtornos alimentares, irritabilidade, depressão, ansiedade e pensamentos destrutivos que podem levar ao suicídio. Casos extremos, como o suicídio, geralmente são levados em consequência de vazamentos de fotos e vídeos íntimos. Viu uma foto, vídeo ou texto constrangendo alguém? Denuncie!

 

Filtro amigável

 

A campanha anti-bullying do Instagram também se estende para os Stories. A autora best-seller teen Maddie Ziegler (a dançarina mirim da Sia), que faz muito sucesso com o público adolescente, vem tratando sobre questões do bullying em suas redes.

 

Ao seguir a Maddie, você adquire um filtro que preenche corações no modo selfie e pode marcar um amigo. Essa marcação é uma maneira de dizer “estou aqui” e dar uma força para a outra pessoa.

 

Foto: Divulgação/Instagram

 

Quem for marcado será notificado e pode republicar no próprio stories, marcando outra pessoa. Gerando um círculo de boas vibrações e amizade. Se o usuário trocar para a câmera regular, o filtro mostra várias frases em vários idiomas.

 

Aqueles que não são seguidores de Maddie podem adquirir o filtro ao assistir um story de alguém e selecionar “testar” para adicioná-lo à galeria de efeitos.