Por dentro da Comunicação Visual: você sabe o que é uma plotter?

A gente já falou de alguns tipos de mídia de exterior aqui no blog (não viu, né? Corre lá).

 

Mas você já pensou em como elas são produzidas? Aquelas coisas IMENSAS estampando ruas, estradas, ônibus.

 

Que tipo de bruxaria é essa? Existe impressorona pra essas coisas?

 

Existe! Esse tipo de impressora se chama PLOTTER.

 

Ela serve para imprimir imagens em grandes dimensões, muito utilizada também em projetos de engenharia e cartografia, além do meio publicitário.

 

 

O que é uma plotter?

 

A plotter de impressão (im-pres-são, porque PASME existe a de recorte e a de recorte E impressão) podem ter até cinco metros de largura.

 

Diferentes das convencionais, elas utilizam de programas específicos para aceitar arquivos de imagem, como TIF, JPG, DWG, EPS, entre outros.

 

Outra característica é que as plotters de impressão podem usar diversos suportes. Dentre eles papel comum, fotográfico, película, lonas, tecidos especiais e filmes de PVC autoadesivos.

 

É essa diversidade de material que abre portas para tudo que você possa imaginar.

 

O uso de uma impressora plotter pode ser desde de mapas cartográficos, projetos de engenharia e arquitetura, grafismos e imagens para outdoors. Além de painéis, banners, lembrancinhas para festas e adesivos decorativos para paredes.

 

 

 

É preciso um investimento bem alto para se ter uma plotter.

 

Pela qualidade altíssima da impressão, é necessário ter um computador com capacidade de processamento superior, pois os programas precisos para rodar a impressão são grandes e pesados.

 

Tudo isso pode ser compensado com a demanda de impressão, já que a mídia exterior é um tipo de comunicação que nunca morre.

 

Qualidade da tinta

 

A mídia exterior nunca morre, porém a procura vai depender da qualidade de serviço que se entrega a um cliente.

 

Hoje em dia é muito comum vermos preço de banners por valores bem baixos, pois há gráficas que lucram em cima da quantidade de trabalho recebido. Outras, mais sérias, sabem manter o cliente e oferecer um material bom e durável.

 

Dito isso, entramos aqui na parte em que é importante prestar atenção no material que está sendo usado ao imprimir.

 

Tintas comuns, aquelas utilizadas em impressoras a jato de tinta, até podem ser usadas na plotagem de impressoras menores, porém não apresentam boa durabilidade para aguentar exposição ao tempo por um grande período.

 

A tinta de solvente é mais resistente e permite impressão em qualquer material, como plástico, lona, vinil e tecido, podendo ficar sob ação do tempo, aguentando sol e chuva, por um bom tempo. É comum resistir sob condições extremas por pelo menos dois anos.

 

 

Existe também a tinta sublimática, que serve para impressão em tecidos e materiais diferenciados.

 

O uso desse tipo de tinta necessita da troca de entitamento, mas abre grandes oportunidades para ampliação do negócio, podendo fazer abadás, camisas, bolsas, sacolas, etc.

 

Atenção!

 

Agora para fechar esteja atento a arte gráfica que será feita.

 

Não se pode pedir pro vizinho fazer aquela artezinha rapidinho para você mandar para a plotter.

 

Uma impressão de tamanho gigante implica que a arte gráfica deve ser em alta resolução ou o resultado final ficará em péssima qualidade visual e ninguém vai querer imprimir com você.

 

Por isso, alinhe-se a um designer para trabalhar a arte gráfica para não ter preocupações com a qualidade do desenho.

 

Ele é o profissional indicado para adequar a imagem ao tamanho da impressão, já que uma imagem de baixa resolução impressa em grande escala pode ficar beeem desfocada.

 

E a plotter de recorte? Para que serve?

 

A plotter de recorte possui uma lâmina capaz de recortar os desenhos conforme foram feitos no computador.

 

De acordo com instruções pré-programadas, é possível obter a imagem no tamanho e forma adequados. Coincidindo com a pretensão de se fazer a imagem.

 

Pode-se trabalhar com diversos tipos de mídia com uma plotter de recorte. A variação é desde corte de adesivos de vinil até ecobags e decorações de paredes. Mas resulta em quê?

 

Você pode encontrar exemplos de peças recortadas em placas, personalização de frotas de carros e ônibus. Além de indicações em shoppings e lojas, etiquetas e até mesmo em embalagens de pequena escala.

 

Para quem quer fazer o próprio negócio existe as mini plotters de recorte. Elas podem ser ligadas normalmente em um PC ou MAC, como uma impressora comum.

 

Depois, é só transferir a imagem criada com o software no computador para a plotter de recorte. O material já sai devidamente e milimetricamente recortado nos seus detalhes.

 

Precisando de uma impressão de qualidade? Possuímos nosso próprio maquinário para isso!

 

Somos a LBZ.Agency, uma agência de publicidade em Manaus.

 

Contamos serviços de comunicação visual, marketing, design, eventos, criação de sites e muito mais. Conheça mais sobre nossos serviços aqui.

 

Acompanhe nosso trabalho pelas redes sociais no Facebook e no Instagram.

COMPARTILHE: